Depois de quase 2 meses sem dar continuidade às negociações do ACT 2012/2013, na última sexta-feira, 29, tivemos mais uma rodada de negociação com a Empresa que apresentou propostas ridículas, com um aumento de apenas 0,03% de aumento sobre os salários.

Além disso, a empresa apresentou uma proposta de aumento de salário indireto, com a apresentação do programa “Rende Mais”, que é uma verdadeira gracinha de faz de conta, porque da forma que foi apresentado só “rende mais” para a Empresa.

Apesar do esforço e da ênfase que a empresa fez para mostrar que o programa é uma melhoria para o trabalhador, não foram explicadas as condições de trabalho que o trabalhador terá para  desempenhar essa função  como o horário de trabalho, hora extra, equipamentos, quantidade de pessoas para realizar o serviço, transporte, etc., porque nas atuais condições de trabalho é muito difícil o trabalhador “render mais”.

Se, da forma que está a ARM já não quer pagar as horas extras, os trabalhadores gastam geralmente 3 sábado e domingos, sacrificando seu lazer, seu descanso, para receber no final do mês 4, 5 horas extras a mais, imagina com esse novo programa.

Trabalhadores promessas não pagam contas, não compram pão, nem arroz e nem feijão.

A grande novidade da ARM é o combustível dos veículos, que para “melhorar o sistema” e diminuir os custos para a empresa, lógico, implantaram um novo sistema que calcula o combustível pelo evento que o trabalhador vai realizar, e advinha o que está acontecendo? O trabalhador está tirando do bolso para completar, porque o crédito que a empresa está depositando não está suprindo a demanda.

E é bom lembrar para a ARM que a data base venceu em 1º de abril, e o sindicato não vai aceitar a indenização aos trabalhadores e a empresa terá que pagar todo o valor que deve, com juros e correções, pois mesmo o sindicato não sendo a favor, nas ultimas vezes em que concordou em aceitar a indenização para que os trabalhadores não fossem tão prejudicados, fomos punidos pelo Ministério Público, que não aceita mais essa prática.

Artigos Relacionados
Leia mais em Todas as Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Veja também

Trabalhadores na Rede Conecta paralisam atividades em Teresina

Na manhã desta quarta-feira (17) os trabalhadores na empresa Rede Conecta, terceirizada da…